skip to Main Content

Sem decretos, casos confirmados poderiam ser 10,2 mil

Boletim semanal sobre coronavírus apresenta novas informações detalhadas sobre a evolução da doença na cidade. A avaliação epidemiológica aponta que sem as medidas de distanciamento social, Maringá registraria atualmente cerca de 10.240 casos positivos. O número de casos confirmados dobravam a cada 4 dias antes das medidas (20 de março), agora a média é 22 dias. A pesquisa leva em consideração as notificações de pacientes até 15 de maio, quando foi confirmado 132 casos da doença. Veja o boletim completo aqui. 
O mapeamento do perfil de pacientes infectados mostra que 58% são homens e 42% mulheres, 25% tem entre 50 a 59 anos, seguido dos indivíduos de 30 a 39 anos com 18,9%, 40 a 49 anos com 18% e acima de 60 anos com 12,8% dos casos confirmados. A distribuição espacial de casos confirmados de covid-19 permanece nas áreas centrais, com aumento nas áreas norte e sul da cidade. Zona 7, Vila Operária e Jardim Pinheiros concentram casos notificados (169 a 241 casos em cada área de abrangência)
Profissões dos pacientes com covid-19 em Maringá: 14% administrativas e profissionais de saúde, seguido de empresários e comerciantes com 12% e aposentados com 7,5% dos casos.
Óbitos
Quando avaliado o gênero em óbitos, observa-se que 67% foram do sexo masculino e
33% do feminino (apenas um dos casos tinha histórico de viagem anterior a infecção). A taxa de letalidade observada neste período foi de 5,4 %, sendo menor do que a do Paraná (5,8%).
Testes
De 1° de março até 14 de maio foram coletados 1.331 testes de covid-19, em laboratórios públicos e privados. A partir de 21 de abril de 2020, os números casos aumentaram devido a maior oferta de testagem de exames laboratoriais. Todos os exames positivos e negativos provenientes dos laboratórios privados são computados no sistema de informações da Vigilância Epidemiológica.
Organização
Diretoria de Vigilância em Saúde
Gerência de Vigilância Epidemiológica
Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde
Gerência de Planejamento
Gerência de Tecnologia e Informação
Elaboração Técnica
Secretário Municipal de Saúde – Jair Francisco Pestana Biatto
Professora Doutora do Departamento de Medicina da UNICESUMAR – Udelysses Janete Veltrini Fonzar
Professor Doutor do Departamento de Geografia da UEM – Oséias da Silva Martinuci
Acadêmico do Curso de Graduação de Geografia da UEM – Ícaro da Costa Francisco
Acadêmico do Curso de Graduação de Geografia da UEM – Ingrid Januário Augusto
Colaboração
Eduardo Casaroto
Graduação em Medicina: Universidade Estadual de Maringá (UEM)
Residencia em Clínica Médica: Hospital Santa Marcelina-SP
Residencia em Terapia Intensiva: Hospital Israelita Albert Einstein
Mestre em Ciências da Saúde
Médico Intensivista Hospital Alemão Oswaldo Cruz e Hospital Leforte
Dados levam em considera? as notifica?s de pacientes at?5 de maio
Rafael Silva
Compartilhe:

This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top